Comunidade Católica Arca da Aliança
BRA
USA
Formação
05.Jun - Espiritualidade do Coração de Jesus
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Espiritualidade do Coração de Jesus


A espiritualidade do coração de Jesus.


“Aprendei de mim que sou manso e humilde de coração” (Mt 11.29)


 


São vários os santos que trazem para nós a espiritualidade do coração de Jesus. Espiritualidade essa que brotou na cruz de Jesus: “Quando chegaram, porém, a Jesus, viram que ele estava morto e não lhe quebraram as pernas, mas um soldado lhe abriu o lado com a lança e, no mesmo instante, saiu sangue e água...” E a escritura diz também:” contemplarão aquele que transpassaram.” ( Jo 19, 33–37 ).


Em  São Francisco encontramos um defensor do Coração de Jesus quando percebemos “a veemência de seu amor pela humanidade sofredora de Jesus crucificado”, tornando-se assim, amigo íntimo do Coração de Jesus.


São João Eudes era um fervoroso devoto de Nossa Senhora e dizia: “O caminho mais curto e eficaz para aproximar os pecadores do Coração de Cristo... é o Coração de sua Mãe Santíssima”. São João Eudes “compôs uma santa missa e ofício, em honra dos Corações de Jesus e Maria, de imediato aprovados pelo episcopado francês e, posteriormente, pelo papa Clemente X, em 1674”. Este foi o primeiro reconhecimento oficial da Igreja à devoção do Coração de Jesus.


Para concluir, vamos entrar na dimensão reparadora que foi revelada por Jesus à Santa Margarida Maria: “A mais célebre das aparições aconteceu em junho de 1675, durante a oitava de Corpus Christi. Margarida Maria rezava novamente diante do Santíssimo Sacramento quando Jesus lhe revelou a profundidade de seus sentimentos: “Eis o coração que tanto amou os homens, a ponto de exaurir-se para demonstrar-lhes seu amor. Em troca recebo desprezo e ingratidões da maioria deles...”  Jesus pediu-lhe também naquele momento, que fosse estabelecida uma festa para honrar seu coração: a sexta- feira depois da oitava do Santíssimo Sacramento, comungando-se nesse dia e buscando desagravá-lo com atos fervorosos.


Façamos uma reflexão sobre os meios de que podemos dispor para reparar o Coração de Jesus e, já nesse início de mês, criemos os nossos propósitos pessoais de reparação.


Neste mês de Junho, com mais fervor ainda, estejamos abertos a adoração ao Santíssimo Sacramento, sendo este o mês do Sagrado Coração de Jesus e de Corpus Christi.


 


“Ó amado coração, transpassado pela dor,


És o refúgio, És o amor,


Guarda em teu coração, nossa vocação...”


                                “Jesus, manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso.                                                        Ensinai- nos a viver a misericórdia e a reparação.”


 


 


Fonte: Arquivo interno da Formação Geral da Comunidade Católica Arca da Aliança



Indique a um amigo
 
Receba em seu e-mail as novidades da Comunidade
 
Acompanhe nossas redes sociais
 
 
CLIQUE AQUI
E SAIBA COMO AJUDAR!
   
  • 32%

    META MENSAL

    Blumenau
  • 23%

    META MENSAL

    Joinville
  • 11%

    META MENSAL

    Montes Claros
  • 20%

    META MENSAL

    Paulo Afonso

Copyright © 2020 Comunidade Católica Arca da Aliança. Todos os direitos reservados.