Comunidade Católica Arca da Aliança
BRA
Formação
14.Jun - Saúde no inverno
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Saúde no inverno

O inverno está chegando e precisamos ter algumas ações preventivas para enfrentar, sem surpresas, essa estação de frio. 


A estação mais fria do ano chega a ser charmosa para aqueles que conseguem enfrentá-la com saúde e condições de proteção, mas no sul do país e aos pobres, a realidade é diferente, sem muito charme.  A queda de temperatura e os ventos pedem um cuidado maior com a saúde para a prevenção de enfermidades tão comuns nesta época do ano, e entre esses estão os idosos, os imunossuprimidos e os doentes crônicos. 


As doenças respiratórias são aquelas que mais ocorrem no frio. Por causas diversas surgem e agravam-se as bronquites, sinusites, asma, gripes, viroses, pneumonias. Ao encontrar um idoso fragilizado surgem complicações e um maior índice de mortalidade. 


O fato de nos aglomerarmos em lugares fechados e mal ventilados, ficando as pessoas muito próximas, facilita a transmissão de vírus e bactérias entre as pessoas. A poluição do ar também é um agravante.


Aqueles que possuem alergias respiratórias estão mais suscetíveis ao adoecimento. Os alergenos presentes no ar (como o ácaro) podem ser um acelerador do processo. O ambiente fechado, os mofos e a má higienização também contribuem, assim como os produtos químicos, fumaças e cigarros, estão entre aqueles que facilitam o surgimento dessas doenças.


Gripes e resfriados são doenças diferentes. Uma é curta e a outra longa, uma se previne com vacina e a outra não. Ambas são doenças virais, que afetam as vias aéreas superiores (nariz, laringe, faringe), ocasionalmente acometendo as vias aéreas inferiores (brônquios e pulmões). O resfriado é causado por mais de centenas de vírus diferentes, já a gripe é causada pelos vírus influenza e parainfluenza. No resfriado a febre é rara, e a doença dura cerca de 5 a 7 dias. Já na gripe, em geral, um dos sintomas é febre alta, durando 3 a 4 dias e a doença dura cerca de 1 a 2 semanas. Para evitar o contágio de gripe é sempre aconselhável cuidados de higiene para o nariz, as mãos, os espirros, a tosse.


Temos a tendência de nos isolarmos no frio e isso facilita para contrair a doença. Semelhante a crianças que ficam em escolinhas e berçários, os idosos têm o contágio facilitado por ficarem em quartos fechados ou em abrigo, em reuniões de grupos ou em igrejas. Também por apresentarem um sistema imunológico já “cansado” ocorre uma maior propagação de gripes e resfriados.


Algumas dicas para nossa proteção: não fume;   evite produtos químicos fortes na limpeza de casa;   evite locais com mofo; conserve sua casa limpa e ventilada;  mantenha uma boa hidratação e uma boa alimentação; siga o calendário de vacinação específico para o idoso (tem vacina para proteção contra gripe e pneumonia, inclusive na rede pública); procure o médico caso tenha algum agravo respiratório.




Dr. Reginaldo Cardoso - Médico Geriatra


Indique a um amigo
 
Receba em seu e-mail as novidades da Comunidade
 
Acompanhe nossas redes sociais
 
 
CLIQUE AQUI
E SAIBA COMO AJUDAR!
   
  • 59%

    META MENSAL

    Blumenau
  • 62%

    META MENSAL

    Joinville
  • 57%

    META MENSAL

    Montes Claros
  • 53%

    META MENSAL

    Paulo Afonso

Copyright © 2019 Comunidade Católica Arca da Aliança. Todos os direitos reservados.